terça-feira, 30 de maio de 2017

PORNOGRAFIA VEM DA ANTIGUIDADE



PORNOGRAFIA VEM DA ANTIGUIDADE, por Theodiano Bastos 
Mas com a internet virou uma praga, criou dependência, vejam:
 
Com minha esposa conhecemos Pompéia, cidade soterrada em 76 da Era Cristã pelas cinzas do Vesúvio, que impressiona os visitantes, pois seus habitantes foram mortos pelos gases e preservados nas posições em que morreram.Uma coisa impressionante.

Pompéia era um porto e lá existe um prostíbulo, conhecido como a casa das lobas, com pinturas de posições sexuais.
A Bíblia já citava Sodoma e Gomorra...

PORNOGRAFIA: PAPA FRANCISCO ADVERTE PARA OS MALES - PORNOGRAFIA CAUSA DEPENDÊNCIA

Papa Francisco: Mantenham os computadores fora dos quartos das crianças para protegê-las do ‘lixo’ da pornografia.
ROMA 8 de junho de 2015 (LifeSiteNews).  No voo de retorno a Roma após sua visita apostólica a Sarajevo, o Papa Francisco respondeu a uma pergunta sobre sua reunião com os jovens na capital da Bósnia-Herzegovina, onde ele os advertiu para tomarem cuidado com computadores e com a mídia.
Ele disse que os pais devem proteger as crianças do “lixo” da pornografia e não devem permitir que elas tenham computadores em seus quartos.
O vício em computadores “prejudica a alma”, disse o Santo Padre, explicando que “é assim que você tira sua liberdade em sua alma. Você torna-se escravo do computador.”
“É curioso,” disse o Papa, de acordo com a tradução da conversa com os jornalistas fornecida à Catholic News Agency (ACI Digital): “Tantas famílias, pais e mães, me dizem: ‘Estamos à mesa com as nossas crianças e elas estão com seus celulares e… é um outro mundo.”
PORNOGRAFIA, ‘PROBLEMA DE SAÚDE PÚBLICA’
Estado americano declara pornografia como 'problema de saúde pública'
“Utah se tornou o primeiro Estado americano a declarar a pornografia um problema de saúde pública.
Segundo o governador, Gary Herbert, que sancionou a nova lei, o objetivo é "proteger nossas famílias e nossa juventude".
Mas a medida não proíbe o consumo da pornografia no Estado, cuja população é majoritariamente mórmon.
No entanto, a iniciativa pede maiores "esforços para evitar a exposição e o vício ligados à pornografia".
Um representante da indústria pornográfica chamou a lei de "antiquada".
Segundo o texto, a pornografia "perpetua um ambiente sexualmente tóxico" e "contribui para a hiperssexualização dos adolescentes, e até das crianças na pré-puberdade, na nossa sociedade".
A lei defende mudanças nos campos da "educação, prevenção, pesquisa e políticas a nível social e comunitário" contra o que chamou de epidemia, mas não sugere como elas devem ser implementadas.
Vejam o texto que segue sobre   

Os templos do Kama Sutra, na Índia, por Rafael Sette Câmara -| 04/04/2012
 
“Cadê a putaria? Já cansei de ver templos e lugares religiosos, eu vim aqui foi pra ver as esculturas do Kama Sutra.” Antes que vocês julguem, apedrejem, trollem este humilde blog ou simplesmente fechem o navegador, vou deixar claro: a frase acima não é minha. Ou melhor. Não é só minha.
A frase foi falada por todos os turistas (que conheço) que visitaram a cidade indiana de Khajuraho, famosa internacionalmente por ser casa de templos religiosos com estátuas eróticas, os Kama Sutra Temples. Nunca ouviu falar? Então se prepare para conhecer. E não, nada de tirar as crianças da sala. Este é um post sobre um conjunto templos que foi declarado patrimônio mundial pela Unesco e não tem nada de pornografia barata.
Khajuraho tem cerca de 10 mil habitantes, pouca gente para a bilionária Índia. Mas turistas que queiram visitar o lugar podem pegar um dos trens mais modernos no país e descer numa estação limpa e nova, inaugurada há dois anos. Khajuraho também tem um aeroporto internacional em construção, como todos os motoristas de tuk-tuk tem orgulho de contar.
Toda essa infraestrutura é para atender a multidão de turistas. Os templos, construídos entre 950 e 1050 DC, estão no top 10 de qualquer guia de viagens sobre a Índia, fato que provavelmente faz de Khajuraho uma das cidades com mais estrangeiros por metro quadrado do país.
Os templos são de duas religiões distintas: hinduísmo e jainismo, e eram 85 no total. O passar dos anos e o aumento do pudor humano reduziram esse número e hoje restam pouco mais de 20. A maior parte está preservada em um parque arborizado e limpo que cobra 250 rúpias (R$ 9) de qualquer estrangeiro interessado em visitar o local. E aí voltamos pra frase incial: “Cadê a putaria?”.
Sejamos francos, qualquer pessoa que visita Khajuraho quer ver esculturas de homens, mulheres, grupos de pessoas e até alguns animais nas mais bizarras posições sexuais. Mas não, os templos não são só isso. As  esculturas pornográficas dividem espaço com outras, bem mais inocentes, que mostram cenas simples e pacificas, como elefantes caminhando, mulheres se maquiando e guerreiros matando uns aos outros. As esculturas eróticas estão por todo lado, claro, mas você vai ter que procurá-las, afinal, foi por isso que você pagou o ingresso.
Se você estiver muito ansioso, esqueça a ordem de visitação sugerida pelo parque e corra para o templo Kandariya-Mhadev. É lá que ficam algumas das esculturas mais famosas, como essa abaixo, em que um cara e três mulheres se divertem em uma posição com alto grau de elasticidade.

Mas qual a razão para os indianos, hoje tão conservadores, criarem templos com imagens tão liberais? O assunto é controverso: há quem diga que a dinastia Chandela, que dominou essa região da Índia por quase 200 anos, era praticante do sexo tântrico.
Outros dizem que não tem nada disso e garantem que como todas as esculturas eróticas estão nas fachadas dos templos, isso provavelmente quer dizer que os fiéis devem deixar os desejos carnais do lado de fora do local de adoração. E há ainda a teoria de que as esculturas seriam um tributo à fertilidade.
Fonte: http://www.360meridianos.com/2012/04/os-templos-do-kama-sutra.html#ixzz4iZfT1JFF

4 comentários:

  1. Evandro Espirito Santo, Salvador/BA, pelo Face: Reflexão "o Universo é TUDO e nesse TUDO é também SEXO de todo Tipo" paz e bem !

    ResponderExcluir
  2. Já enviamos suas considerações sobre a pornografia exposta em modelos artísticos em pequena cidade indiana. Lá, pornografia é arte, aqui é degradação. Aurélio Bolsonello, por e-mail

    ResponderExcluir
  3. Conceição Ferreira, Salvador/BA, pelo Face: Tanto é verdade que, fabricaram a figa. aquela, que, inclusive penduramos no pescoço, o dedo polegar entre o indicador e o médio, significa o pênis na vagina. E quem sabe quando a figa foi fabricada? Eu tinha uma enciclopédia q dizia. Mas doei-a, e não lembro. o ano.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A figa, originalmente um amuleto italiano, chamado Mano Fico, também era usada pelos etruscos na era romana. Mano significa mão e Fico ou Figa é a representação dos genitais femininos, e era associado a fertilidade e erotismo. [1]
      Na Itália este sinal, conhecido como "fica" ou "far le fiche", pela semelhança com a genitália feminina, foi um gesto comum e muito grosseiro em séculos passados, semelhante ao dedo médio.
      Na Turquia este sinal, conhecido como "nah", é um gesto muito conhecido e altamente ofensivo.[1]
      Em países de língua inglesa, como nos Estados Unidos, é uma brincadeira infantil em que se simula arrancar o nariz de uma criança de seu rosto.[2]
      No Brasil, esse sinal simboliza os desejos de boa sorte. Hoje é usado como amuleto contra olho gordo na crença de que o obsceno distraia o mal.[3] Fonte: https://pt.wikipedia.org

      Excluir