terça-feira, 8 de março de 2016

13 DE MARÇO: RISCO DE CONFRONTOS 2





13 DE MARÇO VEM AÍ


Manifestações do dia 13: Exército já está em regime de sobreaviso

por Ancelmo Gois, 10/03/2016  
"A paz esteja convosco
O que se diz é que o Exército está numa espécie de regime de sobreaviso nas principais cidades onde haverá manifestações contra o governo, domingo agora. Não é prontidão, quando o militar fica aquartelado. Mas o pessoal de algumas unidades ficará em contato entre si. A ação é comum em qualquer democracia".

Fonte: http://blogs.oglobo.globo.com/ancelmo/  10/03/16
PT está com 'sangue nos olhos' e 'faca nos dentes',  relatam dirigentes. Petistas dizem que 'não têm nada mais a perder' e vão radicalizar...

Militantes a favor de Dilma em Vitória ameaçam confronto no próximo domingo. A direção do PT e da CUT dizem que grupos estarão na Praça do Pedágio da Terceira Ponte para impedir a passagem dos manifestantes de Vila Velha para a Praça do Papa em Vitória e não descartam agressões, conforme reportagem de A TRIBUNA de 07/03. 

 Em 15 de março de 2015 mais de 100 mil pessoas se concentraram na Praça do Papa.


A Central Única dos Trabalhadores (CUT) dos estados do Rio Grande do Sul, do Espírito Santo e de Pernambuco estão convocando manifestações para o próximo domingo (13), quando grupos de oposição irão às ruas protestar contra o ex-presidente Lula e pedir o impeachment da presidente Dilma Rousseff.
Segundo a assessoria de imprensa da CUT nacional, ainda não há nenhuma orientação a respeito de manifestações em todo o país. Porém, é esperado que as demais centrais regionais também anunciem ao longo da semana atos para domingo.
A CUT integra o movimento Frente Brasil Popular, que reúne mais de 50 entidades, entre organizações civis, sindicatos e partidos de esquerda”                                Fonte: http://www.jb.com.br/ 08/03/16



MST (O EXÉRCITO DE STÉDELE) OCUPA O PALÁCIO ANCHIETA EM VITÓRIA/ES

Os ânimos estão muito tensos em Vitória.        Há mais de 20 dias centenas de membros do MST estão acampados no estacionamento da Secretaria de Educação do ES e 400 manifestantes de lá se deslocaram no dia 08 de março para invadir o Palácio Anchieta no sede do governo do Espírito Santo, onde ficaram por 8 horas e de lá só saíram às 11 horas da noite, prometem voltar nos protestos de 13/03 (domingo) impedindo a passagem dos manifestantes de Vila Velha para Vitória fechando a Terceira Ponte. 

***********************************

Em Vitória, Raquel Gerde do Movimento Brasil Livre (mbl.org.br/  e https://www.facebook.com/mblivre) e Washington Olímpio representante estadual do VEM PRA RUA (vemprarua.org/ e https://www.facebook.com/VemPraRuaBrasil.org/), informam:

BONECOS GIGANTES
A novidade desta vez nas manifestações do próximo dia 13 de março na Praça do Papa, a partir das 16 horas,  serão os bonecos gigantes PIXULECO com oito metros o “BANDILMA” e “ACARAJECA”, simbolizando a presidente Dilma, projeto feito por um artista capixaba e confecção foi feita em São Paulo.  
Um trio elétrico atravessará a Terceira Ponte com esses bonecos com três metros, segundo os organizadores.  


Governo pede que PT pare de incitar protestos para o domingo

Pedido foi reforçado por ministro durante reunião de lideranças da base aliada

por Eduardo Barretto e Evandro Éboli de O globo 08/03/16

BRASÍLIA - O governo está pedindo ao PT que pare de insuflar a população para manifestar-se no mesmo dia em que acontecerão atos pelo impeachment. Nesta segunda e terça-feira, deputados e líderes dos vários partidos da base foram desaconselhados a continuar mobilizando os atos pró-Lula para o próximo domingo. Nesta terça, o pedido foi reforçado pelo ministro da Secretaria de Governo, Ricardo Berzoini, em reunião com essas lideranças da base, no Palácio do Planalto.
Na segunda, Berzoini já havia ligado para parlamentares do partido e de outras legendas de esquerda pedindo que repensem a estratégia de convocação e fujam do enfrentamento direto. O presidente do PT, Rui Falcão, esteve no Planalto para discutir o tema, na segunda, a fim de que o PT não seja criminalizado por protestar, nem fique marcado por envolvimento em confusão.
A avaliação no Palácio é que atos contra o governo podem ficar mais atrativos ainda para os que pedem o impeachment se houver protestos em defesa de Lula. Além disso, assessores do Planalto temem cenas de violências com sérios desdobramentos.
- Para o governo, manifestações no mesmo dia trazem um cenário de instabilidade. E quanto mais estabilidade, melhor - afirma um auxiliar da presidente.
Na segunda, a presidente Dilma foi mais enfática ao defender o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, em discurso de entrega de unidades habitacionais do "Minha Casa Minha Vida" em Caxias do Sul. Dilma afirmou que Lula "nunca se julgou melhor do que ninguém", e que não há sentido em conduzi-lo "sob vara" para depor.
- Estamos desmobilizando para que as manifestações do nosso lado aconteçam em outro dia. É assim em uma democracia - diz um assessor do Planalto.



 

Nenhum comentário:

Postar um comentário